Vereador Inácio volta a denunciar gastos da Prefeitura com imprensa local

Vereador Inácio volta a denunciar gastos da Prefeitura com imprensa local

06/07/2015

O valor gasto pela Prefeitura com a imprensa voltou a ser tema de destaque durante a 22ª Sessão Ordinária, realizada na última segunda-feira, 29. Um requerimento com sugestões de investimentos mensais com publicidade, de autoria do vereador Inácio J.B. Filho (PT), foi aprovado e será enviado ao Executivo.

“O intuito é sugerir um teto mínimo e máximo para o gasto com publicidade no município. De 2008 até o próximo ano, se não houver alterações na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) e LOA (Lei Orçamentária Anual), a Prefeitura gastará R$12 milhões em publicidade. Vale ressaltar que a Comissão de Orçamento e Finanças está propondo uma emenda para que R$1,5 milhão dos R$2 milhões projetados para 2016 sejam passados para as entidades, ficando o investimento com publicidade em R$391 mil/ano”, disse o vereador Inácio.

O requerimento aprovado sugeriu valores para veiculação de publicidade em tvs, sites, rádios, jornais impressos e outdoor. “Com o dinheiro que já foi gasto todos esses anos só com agência dava para comprar um aparelho de ressonância magnética que a Santa Casa não tem. Essa é a vontade do Legislativo, nós não podemos mais jogar dinheiro do povo no lixo”, ressaltou.

O vereador falou também sobre a questão da prioridade de investimentos. “Queremos que o preço seja justo daqui para frente. Temos que dar um basta nessa situação, pois não dá retorno para a sociedade. Por exemplo, os policiais militares estão desistindo da atividade delegada porque não recebem da prefeitura, mas dinheiro para jogar na imprensa tem”.

 

A votação da emenda proposta pela Comissão de Orçamento e Finanças, que modifica a LDO no quesito investimentos em publicidade, foi adiada em duas sessões.