Vereador Enfermeiro Alexandre critica situação da saúde em Ourinhos

Vereador Enfermeiro Alexandre critica situação da saúde em Ourinhos

01/12/2016

 Demora na realização das cirurgias eletivas, falta de remédios, paralisação nos agendamentos de consultas, falta de médicos especialistas. A realidade da saúde em Ourinhos foi amplamente debatida pelo vereador Alexandre Florêncio Dias “Enfermeiro Alexandre” (PSD), na última Sessão Ordinária da Câmara Municipal, realizada no dia 28.

 

O vereador fez um alerta com o intuito de informar as autoridades e, principalmente, os membros da nova gestão do Poder Executivo. “Cirurgias eletivas não estão sendo realizadas. Sempre levantei essa questão para que pudéssemos debater, muito me chateia a falta de empenho da Secretaria de Saúde, agora então que vimos hoje aqui que existem emendas e que podemos perdê-las. Fico muito triste porque essas cirurgias que hoje são eletivas, vão se tornar urgências amanhã. Pessoas que aguardam hoje são as que demandam grande atendimento da UPA. Outra questão preocupante: nesse último semestre temos um grave problema de falta de medicamentos”.

 

As paralisações nos agendamentos também foram citadas. “Uma minoria consegue, a real demanda precisa de vários tipos de exames e a fila é muito grande. A população está na expectativa de ser iniciada a nova gestão e é muito difícil suprir rapidamente essa grande demanda acumulada nesse último semestre. Temos também a questão da falta de vagas com especialistas, não existe expectativa para a população ser atendida ainda esse ano. Torço para que, pelo menos, a atual gestão pague o que está empenhando para não sufocar o governo do nosso novo prefeito”

 

 

Enfermeiro finalizou denunciando a falta de empenho da Prefeitura e Secretaria da Saúde em resolver os problemas. “Quando se anuncia uma emenda, o munícipe entende que o dinheiro vai chegar, mas não sabe que existe a burocracia. O Poder Executivo tem que ser responsabilizado pela falta de empenho”.