Flávio do Açougue questiona eficiência dos dispositivos instalados no trânsito em Ourinhos

Vereador afirma que muitos munícipes continuam reclamando das alterações feitas no trânsito pela atual administração

13/06/2019

O assunto sobre as novas alterações de trânsito feitas nas ruas e avenidas de Ourinhos continua sendo motivo de discussão na Câmara Municipal. Flávio Ambrozim, o Flavinho do Açougue (PMDB), usou a tribuna durante a 19ª. Sessão Ordinária para explicar que os munícipes estão insatisfeitos com as instalações que a Prefeitura tem realizado.

 

Na semana passada, o vereador apresentou o requerimento nº. 1.437/2019 que pede para modificar as alterações implantadas no cruzamento da Avenida Jacinto Ferreira de Sá próximo ao cruzamento com a Avenida Domingos Perino. "Foi bastante debatido por muitos vereadores e alguns dias atrás presenciei uma situação em que um ônibus parou na Jacinto Sá, sentido centro - FAPI, e causou a paralisação de todo o trânsito porque a via ficou fechada pelo ônibus. Motoristas imprudentes atravessam a avenida mesmo com uma placa de 'trânsito impedido' instalada com o objetivo de conter a passagem, uma placa que não deveria estar ali se a sinalização fosse adequada," disse.

 

Flávio afirma que circunstâncias como essas mostram que alguns dispositivos não estão apresentando resultados e tem causado o estranhamento por parte da população e provocado até acidentes quando deveriam estar servindo de orientação para evitar os mesmos. O vereador questiona a respeito do estudo que é feito pelos responsáveis antes da implantação dessas alterações no trânsito.

 

"Nós vereadores somos muito procurados por pessoas que fazem suas queixas sobre o trânsito de Ourinhos. Foi falado aqui hoje da Rua dos Expedicionários, onde foi retirado o estacionamento do lado direito para a criação das três faixas. Isso tem sido uma reclamação constante por parte dos comerciantes daquela localidade. Outro trecho que tem havido reivindicações é o da Avenida Domingos Camerlingo Caló com a Alpino Burati que só tem causado transtorno aos motoristas e comerciantes próximos do local. Será que quem elabora esses projetos leva em consideração as necessidades das pessoas que utilizam essas vias e possuem comércio nesses locais?" finalizou o vereador.