Em iniciativa inédita, Câmara elabora e aprova emenda modificadora da LDO que diminui gastos com a imprensa

Em iniciativa inédita, Câmara elabora e aprova emenda modificadora da LDO que diminui gastos com a imprensa

28/07/2015

Destaque da 24ª Sessão Ordinária, a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias teve características inéditas nesse ano. A Câmara elaborou e aprovou várias emendas modificativas, que alteraram o orçamento do Executivo em diversas áreas.

Uma das principais mudanças foi em relação ao orçamento utilizado com as campanhas institucionais, isto é, nos investimentos realizados pela Prefeitura com a imprensa local. “Com a emenda, retiramos R$ 800 mil reais que seriam gastos com a imprensa e reordenamos para investimentos com as entidades socioassistenciais. Não dá para a Prefeitura investir um valor desse na imprensa, com a cidade no estado que está. Existem outras prioridades”, disse o Presidente da Câmara Roberto Tasca (PR).

As modificações também foram feitas aumentar investimentos nas áreas de iluminação pública, saúde e esportes.

“É importante destacar que após a aprovação da emenda, que prioriza investimentos para o cidadão ourinhense, a Câmara começou a sofrer ataques da imprensa local, principalmente em sites e rádios. A Câmara não paga imprensa e inclusive tentaram me extorquir no início do ano, quando assumi a Presidência”, revela Tasca.

“Não aceitamos a situação que está Ourinhos. Não vamos admitir desperdício de dinheiro público. Chega da população reclamar e nada ser feito. Não temos nenhum receio dessa imprensa chantagista que se instalou em Ourinhos e não adianta a Prefeitura querer usar a imprensa que paga para falar mal de alguns vereadores”, conta o Presidente.

“Se a população quiser acompanhar o trabalho dos vereadores basta assistir a TV Câmara, acessar o Site ou o Facebook da Câmara. Nesses veículos as informações são de verdade. A Câmara vai continuar fazendo o seu trabalho, lutando para que o dinheiro público seja investido para a população”.